Objeto e conceito do direito administrativo: revisão crítica

Carlos Bastide Horbach

Resumo


O presente trabalho busca identificar o objeto do direito administrativo, levando em consideração a evolução história da disciplina e as peculiaridades dos sistemas jurídicos – romano-germânico e anglo-saxão –, para construir um conceito que indique claramente a essência desse ramo da ciência jurídica. Essa tarefa torna-se necessária ante a natureza cambiante dessa matéria jurídica, cujas normas necessitam de constante atualização para atender as necessidades da administração pública.

Palavras-chave


Direito administrativo. Objeto. Conceito. Estado de direito

Texto completo:

Pdf

Referências


AMARAL JÚNIOR, José Levi Mello do. A medida provisória e sua conversão em lei, São Paulo: Revista dos Tribunais, 2004.

ANTUNES, Luís Felipe Colaço. A tutela dos interesses difusos em direito administrativo, Coimbra: Almedida, 1989.

BOBBIO, Norberto. O positivismo jurídico. Lições de filosofia do direito, São Paulo: Ícone, 1995.

BONNECASE, Julien. La escuela de la exegesis en derecho civil, Puebla: Editorial José Cajica Jr., 1944.

BURDEAU, Georges. La democracia. Ensayo sintétitco. Barcelona: Ariel, 1960

CALVO GARCÍA, Manoel. Los fundamentos del método jurídico, Madrid: Technos, 1996.

CAPPELLETTI, Mauro e GARTH, Bryant. Acesso à justiça, Porto Alegre: Sergio Antonio Fabris, 1988.

CAVALCANTI, Themístocles Brandão. Curso de direito administrativo, Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1977.

D’ALBERTI, Marco. Diritto amministrativo comparato, Bologna: Il Mulino, 1992.

DUGUIT, León. Las transformaciones del derecho público, Madrid: Francisco Beltran, 1917.

DUGUIT, León. Manual de derecho constitucional, Granada: Comares, 2005.

FARNSWORTH, E. Allan. Introduction to the legal system of the United States, New York: Oceana, 1994.

FORSTHOFF, Ernst. Lo stato di diritto in trasformazione, Milano: Giuffrè, 1973.

GARCÍA DE ENTERRÍA, Eduardo e FERNÁNDEZ, Tomás-Ramón. Curso de derecho administrativo, t. I, Madrid: Civitas, 1998.

GUGLIELMI, Gilles. Vus par ses pères fondateurs, Le Droit Administratif. Le droit administratif en mutation, Jacques Chevallier ( coord.), Paris: Presses Universitaires de France, 1993.

HAURIOU, Maurice. Précis de droit administratif et droit public, Paris: Dalloz, 2002.

HORBACH, Carlos Bastide. O direito administrativo no sistema de Common Law. Fórum administrativo. Direito Público, v. 9, n. 101, jul. 2009, p. 20-30.

ITALIA, Vittorio; LANDI, Guido; e POTENZA, Giuseppe. Manuale de diritto amministrativo, 13a. ed., Milano: Giuffrè, 2002.

JÈZE, Gaston. Princípios generales del derecho administrativo, t. I, Buenos Aires: Depalma, 1949.

LIMA, Ruy Cirne. Princípios de direito administrativo, 6a ed., São Paulo: Revista dos Tribunais, 1987.

MASAGÃO, Mário. Curso de direito administrativo, 6a ed., São Paulo: Revista dos Tribunais, 1977.

MAURER, Hartmut. Allgemeines Verwaltungsrecht, 11a ed., München: C. H. Beck, 1997.

MAYER, Otto. Derecho Administrativo Alemán, t. I, Buenos Aires: Depalma, 1949

MEDAUAR, Odete. A processualidade no direito administrativo, São Paulo: Revista dos Tribunais, 1993.

MEDAUAR, Odete. Direito administrativo moderno, 9a ed., São Paulo: Revista dos Tribunais, 2005.

MEDAUAR, Odete. Direitos difusos referidos diretamente à Administração Pública. Filosofia Política – Nova série, V. 1, 1997, p. 166-174.

MEDAUAR, Odete. O direito administrativo em evolução, São Paulo: Revista dos Tribunais, 1993

MOREIRA NETO, Diogo de Figueiredo. Curso de direito administrativo, 11a ed., Rio de Janeiro: Forense, 1997.

PASTOR, Juan Alfonso Santamaría. Princípios de derecho administrativo. Vol. I, 4ª ed., Madrid: Centro de Estudios Ramón Areces, 2002.

PUIGPELAT, Oriol Mir. El concepto de derecho administrativo desde una perspectiva linguística y constitucional. Revista de Administración Pública, número 162, sep./dic. 2003, p. 47-87.

RIVERO, Jean. Curso de direito administrativo comparado, São Paulo: Revista dos Tribunais, 1995.

SÁNCHEZ MORÓN, Miguel. La participación del ciudadano en la Administración Pública, Madrid: Centro de Estudios Constitucionales, 1980.

TÁCITO, Caio. Bases constitucionais do direito administrativo. Revista de Direito Administrativo, v. 166, out.-dez. 1986.

TOCQUEVILLE, Alexis de. O Antigo Regime e a Revolução, Brasília: UnB, 1997.

WEIL, Prosper e POUYAUD, Dominique. Le droit administratif. 24ª ed. Paris: PUF, 2013.

ZANOBINI, Guido. Corso di diritto amministrativo, v. 1, 8a ed., Milano: Giuffrè, 1958.




DOI: http://dx.doi.org/10.5102/rbpp.v7i3.4716

ISSN 2179-8338 (impresso) - ISSN 2236-1677 (on-line)

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia