Presenteísmo, características da tarefa e bem-estar no trabalho: um estudo correlacional com professores da secretaria de educação do Distrito Federal

Marina Moreira Antonucci de Carvalho, Thiago Aguiar De Oliveira, Fabiana Queiroga

Resumo


Objetivo desta pesquisa foi testar a realização no trabalho como mediador da relação entre desenho do trabalho e presenteísmo em professores regentes. O presenteísmo é uma das formas de perda de desempenho dos professores em sala de aula. Diversos são os modelos que explicam resultados organizacionais, entre os quais o Modelo de Características do Trabalho. Entretanto, este modelo até o presente momento não foi testado com presenteísmo e segundo sua proposta, ele será predito pelo desenho do trabalho mediado por atitudes positivas relacionadas ao trabalho (i.e. bem-estar eudaimônica). Principais aspectos metodológicos: Participaram do estudo 2.282 professores de escolas públicas, dos quais 71,1% eram mulheres. Responderam a escala de realização no trabalho, a escala Stanford de presenteísmo, e a taxonomia completa de desenho do trabalho da versão brasileira. Foram testadas relações diretas e mediadas e o modelo de características do trabalho se confirma parcialmente. Como resultados observou-se que para Trabalho não Completado a mediação não se confirma para nenhuma subcategoria do desenho do trabalho, as relações foram diretas com Autonomia de Planificação, Suporte Social, e Uso de Equipamentos. Para Distração Evitada a mediação ocorreu apenas para Suporte Social. Autonomia de Decisão e Método, Conforto e Demandas Físicas apresentam relações diretas. Discute-se o papel mediador dos estados psicológicos críticos e de outros gatilhos positivos que poderiam mediar a relação entre desenho do trabalho e resultados organizacionais como as emoções


Palavras-chave


Presenteísmo. Desenho do trabalho. Bem-estar no trabalho.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/pic.n1.2018.6361

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia