A prevalência da Síndrome de Burnout em estudantes de medicina do Distrito Federal

Mariana Bernardes Anversa, Nathalia da Costa Fernandes, Antonio Garcia Reis Junior

Resumo


A Síndrome de Burnout é caracterizada por exaustão física e emocional frente a uma resposta emocional crônica ao estresse desencadeado pela sobrecarga de funções. Síndrome é necessário os sintomas de exaustão emocional, descrença e ineficáciaprofissional. O propósito deste estudo foi observar através de questionários a prevalência da síndrome de burnout em estudantes de medicina do Distrito Federal e a identificação dos possíveis fatores estressores e protetores para o surgimento da síndrome.Dentre as universidades analisadas, o Centro Universitário de Brasília apresentou maior adesão à pesquisa e menores indícios para a síndrome, em oposição a Universidade Católica de Brasília apresentou os maiores valores positivos para o desenvolvimento da síndrome 35,4%. O sexo feminino teve maior participação, 166 respostas, destas 24% estavam de dentro dos critérios de diagnóstico da síndrome.Em relação aos fatores protetores, observou-se que não morar sozinho e possuir um relacionamento diminuem a chances para o aparecimento da síndrome


Palavras-chave


Burnout, estudantes de medicina, estresse, Brasília

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/pic.n1.2018.6327

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia