O lúdico no estudo do comportamento de elementos sujeitos à flambagem com diferentes seções transversais

Maria Eduarda Pedroso Barbosa, Mickaella Rodrigues De Araújo, Raquel Ferreira Kischlat

Resumo


Foi observada, durante as aulas do curso de Engenharia Civil, uma dificuldade, por parte dos alunos, no que se refere à compreensão e visualização do fenômeno de flambagem. A partir disso, surgiu a ideia de desenvolver um protótipo denominado “prensa” na qual estudantes do ensino médio e universitários, assim como demais curiosos, pudessem testar diferentes corpos de prova de modo a desenvolverem uma compreensão qualitativa sobre o fenômeno em questão. Dessa forma, foram desenvolvidos e testados diversos modelos em potencial, até atingir os atuais protótipos (prensas), que apresentam condições de apoio distintas (fixomóvel e fixo-livre) e os “corpos de prova” se alternam entre diferentes seções transversais (seção circular cheia, perfil I, cantoneira e seção quadrada). Em adição a esses fatores, há a possibilidade de reduzir o comprimento de flambagem, o que altera também o comportamento do corpo de prova. Os modelos foram submetidos à experimentação de diversos públicos. Por meio disto, foi realizada uma enquete na qual a eficiência do produto fez-se patente, pois foi alcançada uma evolução significativa na visão dos participantes a respeito do tema. Portanto, o objetivo do projeto foi alcançado e espera-se que este seja apenas um projeto inicial e que com as sugestões postas em prática possa alcançar melhores eficácia e abrangência


Palavras-chave


Flambagem. Prensas. Corpos de prova.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/pic.n1.2018.6302

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia