REGISTROS E CONTAGENS DA COMARCA DE GOIÁS (1731-1750)

José Rubens de Souza Cardoso, Deusdedith Alves Rocha Junior

Resumo


Esta pesquisa desenvolveu, através da identificação, transcrição e análise
de documentos do Arquivo Histórico Ultramarino, na cota de Goiás, a identificação
de Contagens e Registros no território goiano colonial de meados do século XVIII.
Considerou-se tanto a documentação que se referia diretamente aos postos fiscais,
como documentos locais que tratavam indiretamente do assunto. Foram listados os
postos de acordo com os anos em que foram citados e analisada a sua permanência
em caso de ocorrência na documentação de anos posteriores. Em seguida, os
referidos postos, Contagens e Registros, foram localizados na cartografia do mesmo
período, em especial nos mapas atribuídos ao cartógrafo Tosi Colombina, onde se
verificou a importância deles, de acordo com a sua presença ou ausência nos
mapas. Os topônimos empregados nas instituições administrativas e fiscais de Goiás
colonial permitem a investigação sobre as representações do espaço em face dos
conflitos entre os sujeitos históricos nesse período (índios, portugueses e negros)


Palavras-chave


Registros e contagens; Goiás; Arquivo Histórico Ultramarino

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/pic.n1.2015.5446

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia