A importância do conceito de esfera pública de Habermas para a análise da imprensa - uma revisão do tema. - doi: 10.5102/uc.v5i1.671

Ana Paula Ferrari

Resumo


O presente artigo revisa os conceitos originais e as reelaborações de Habermas sobre a esfera pública. Apresenta as contradições apontadas por críticos que consideram o modelo por demais abstrato e irreal. O presente texto apóia o ideal de que as discussões de temas de interesse público sejam abertas e amplas. Apesar disso, reconhece que o modelo habermasiano foi desenvolvido com base numa sociedade democrática com alto grau de participação e conscientização de seus cidadãos. Portanto, para melhor avaliação da esfera pública de Habermas na realidade brasileira, faz-se necessário uma análise empírica da imprensa que atua no país de forma a verificar a proximidade ou distanciamento da fomentação desse ideal.

Palavras-chaves: Esfera Pública. Cidadão. Imprensa. Participação.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/uc.v5i1.671

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2175-7461 (impresso) - ISSN 2179-488X (on-line) - e-mail: joana.bicalho@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia