Inteligência competitiva: nova área de atuação do profissional de comunicação social - doi: 10.5102/uc.v5i1.657

Fernando Antonio Pereira Braga

Resumo


Inteligência Competitiva é o processo legal e ético de coletar, analisar e aplicar informações sobre as potencialidades, vulnerabilidades e intenções da concorrência, bem como do ambiente competitivo geral, o macroambiente e as novas tecnologias para as organizações. O objetivo é colocar a organização na fronteira competitiva dos avanços, a despeito e em oposição aos esforços em contrário empreendidos pelos concorrentes. A proposta deste artigo é apresentar a Inteligência Competitiva como nova área de atuação dos profissionais de Comunicação Social, em especial, dos jornalistas, como os especialistas na busca e obtenção de dados e informações, notadamente por meio das entrevistas que realizam no dia-a-dia profissional daqueles que exercem a função de repórter.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/uc.v5i1.657

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2175-7461 (impresso) - ISSN 2179-488X (on-line) - e-mail: joana.bicalho@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia