O marketing verde na promoção de empresas brasileiras: estudo de caso Banco Real - DOI: 10.5102/uc.v7i2.1104

Thaíza Giulienne Moreira Pachêco, Ursula Betina Diesel

Resumo


Este estudo tem por finalidade analisar a comunicação televisiva utilizada
pelo Banco Real na divulgação de sua política sustentável. Como corpus da pesquisa
foram escolhidos comerciais dos anos de 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, por
apresentarem a mentalidade verde embutida em seu conteúdo. Desde 2005, o Real
passou a abordar a sustentabilidade em seus anúncios de TV e começou a mostrar
sua preocupação com o meio ambiente e a sociedade. Tal divulgação despertou a
atenção dos consumidores e gerou, nas autoras, o interesse de saber um pouco mais
sobre como o Banco trabalha tais questões ambientais. Para fundamentar esta análise
e compreender como ocorre a utilização do discurso verde nas peças do Banco,
foram abordados os conceitos de marketing, em sua vertente ambiental, e também
os de ecopropaganda. Juntamente com a análise da semiótica e da imagem, grandes
responsáveis por esmiuçar as propagandas em questão, e tentar entender os
significantes com seus significados, conceitos fundamentais para o entendimento
da temática verde apresentada nos anúncios. Após um breve histórico do Banco,
é possível também conhecer um pouco da história dessa instituição financeira de
fala sustentável e compreender por meio de análise como a mensagem ambiental é
vendida e transmitida por grandes empresas como o Banco Real.

Palavras-chave


Marketing Ambiental; Ecopropaganda; Banco Real; Análise Semiótica; Análise da Imagem.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/uc.v7i2.1104

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2175-7461 (impresso) - ISSN 2179-488X (on-line) - e-mail: joana.bicalho@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia